22.12.11

Prefeita de Timon chega ao final do ano com salário atrasados.


A prefeita de Timon, Socorro Waquim, encerra o ano de 2011 com quase três meses de salários atrasados. Os funcionários da Educação entrarão o Natal sem um Papai Noel Gordo. Imaginem se ela não fosse professora.
Em outros municípios, como Ribamar e Barra do Corda, os educadores recebem até o 14º salário. Lá em Timon….
Tem sido assim desde que seu marido decidiu se candidatar a uma vaga na Câmara Federal, numa campanha milionária, cruel para os habitantes daquela cidade. O pior é que a desastrosa administração municipal não tem oposição.
O Ministério Público de Timon é mudo, surdo e cego. Os professores não têm a quem reclamar. Uma lástima. Timon não faz parte do novo Brasil.
A prefeita promete regularizar a situação até a metade do ano de 2012. Bem próximo da eleição. Uma sacanagem sem precedentes.
Se estivesse administrando uma cidade em um estado sério, com certeza estaria fora do cargo e, talvez, na cadeia.
Fonte. Blog Luis Cardoso



1 comentário:

  1. Anónimo29.12.11

    Parabéns pelos comentários , sou servidor publico municipal de Timon e outras palavras não poderiam ser mais oportunas e corretas que as suas ,porém , saiba que muitos professores com salários atrasados em pleno natal ,são coniventes e defendem com unhas e dentes a "ilustríssima" senhora prefeita , seu esposo e seus "discípulos " , o que é lastimável.

    ResponderEliminar