16.7.12

Estudo mostra que 4 cidades do PI têm água contaminada no subsolo


Monitoramento mostra nitrato 4 vezes acima do recomendado.

População pode ser afetada

Segundo matéria veiculada pela emissora Cidade Verde, no Jornal do Piauí, a Universidade Federal do Piauí realizou pesquisa com amostra de águas subterrâneas dos municípios de Ipiranga, Jerumenha, Guadalupe e Teresina e o resultado apontou que há contaminação do líquido nessas quatro cidades.

De acordo com o estudo, o monitoramento de concentração de minerais e solução de substâncias apontou que a concentração de nitrato está quatro vezes acima do permitido. Isso causa sérios riscos à saúde, sobretudo de crianças de zero a seis meses. Propicia o desenvolvimento da meta-hemoglobina, que causa problemas irreversíveis ao cérebro das crianças.

Outro problema detectado foi a acidez excessiva. A água potável deve ter PH entre 6 e 9.5, entretanto há amostras que o PH chega até três. Em Teresina, 70% da água analisada tem os metais ferro e alumínio acima do permitido.

O presidente da Agespisa, Raimundo Nogueira, afirma que ainda não foi notificado dessa pesquisa e que discorda do resultado.

“Nossa água é uma das melhores do Brasil. De acordo com a portaria 2.914 do Ministério da saúde, todos os fatores estão dentro da norma. A Agespisa é uma das empresas mais responsáveis no tratamento da água. Todos os parâmetros do PH estão dentro de 6 a 9.5. Os nossos químicos analisam a água diariamente. Podemos mostrar os estudos e conjuntamente com a UFPI mostrar que nossa água é 100% própria para o consumo”, argumenta.

Sem comentários:

Enviar um comentário