20.8.12

Luciano Leitoa mantém a liderança em Timon


O candidato do PSB a prefeito de Timon, Luciano Leitoa, mantém a liderança na corrida pela prefeitura da cidade. Ele tem 46,75% das intenções de voto em pesquisa estimulada do Instituto Data AZ, realizada entre os dias 16 e 18 de agosto. O segundo colocado, o vice-prefeito Edvar Ribeiro (PMDB), tem 24,5%. O deputado estadual Alexandre Almeida (PSD) se mantém em terceiro com 12%.


Os eleitores que ainda não sabem em quem votar chegam a 13,5%. Os que dizem não votar em nenhum dos postulantes somam 2% (eram 3,5% na pesquisa anterior) e os que declaram voto para o Professor Costa chegam a 1,25.

Se o desempenho de Luciano Leitoa foi bom na pesquisa estimulada, na espontânea ele apareceu também na dianteira com 41,5%.

O percentual de intenções de voto na pesquisa espontânea obtido pelo candidato Edivar Ribeiro foi praticamente o mesmo de Leitoa: 9,25%. Ele passou de 13,25% em julho para 22,5% na atual sondagem.

Alexandre Almeida estacionou, com ligeira variação negativa: saiu de 10,25% em julho para 10,25% em agosto.

O crescimento de 20% nas intenções espontâneas de voto para os candidatos Luciano Leitoa e
Edivar Ribeiro encontra
eco na vertiginosa queda no número de eleitores indecisos na sondagem espontânea. Em julho, os indecisos somavam 41,25% contra 23% agora.

Os que dizem não votar em nenhum dos candidatos agora somam 2,5% (eram 2,25% em julho) e os que declararam voto para o Professor Costa somam 0,25% - mesmo percentual da pesquisa anterior.

Vice-prefeito é quem tem a maior rejeição
O vice-prefeito Edivar Ribeiro segue como o mais rejeitado entre os candidatos a prefeito de Timon –35,5% na pesquisa atual. Luciano Leitoa tem rejeição de 15%. Alexandre Almeida é o terceiro em rejeição, está com 12,75%.

Professor Costa, o menos rejeitado, teve um leve aumento no percentual dos que declaram não votar nele. Antes aparecia com 8% e agora tem rejeição de 9,75%, enquanto 18,75% não sabem ou não opinam (eram 15,5% antes) e 8,25% não rejeitam nenhum dos postulantes – antes eram 6%.

Certeza do voto
Como na pesquisa anterior, Luciano Leitoa é também percebido pela maioria dos eleitores como quem vai vencer a disputa: 59,5% dos entrevistados dizem que, independente do seu voto, acreditam na vitória do deputado estadual do PSB. Na pesquisa anterior esse número era praticamente o mesmo: 59,25%.

Os que acreditam na vitória de Edivar Ribeiro somam na pesquisa atual 25,5%, quase o dobro dos 13,25% da sondagem anterior.

Alexandre Ribeiro, que era percebido como vencedor por 10,5% em julho, agora só encontra essa percepção de vitorioso em 4,5% dos entrevistados.

Os eleitores que dizem não estarem dispostos a mudar o voto somam 67% agora, contra 72,98% na pesquisa anterior. Os que podem mudar somam 33% - contra 27,02% em julho.

Desempenho por zona
Luciano Leitoa tem 41,43% das intenções espontâneas de voto na zona urbana. Na pesquisa estimulada, seu desempenho vai a 46,29%.

O candidato Edivar Ribeiro aparece com 23,14% na pesquisa espontânea entre os eleitores urbanos e com 24,86% na pesquisa estimulada.

Alexandre Almeida tem 11,14% na espontânea e 13,14% na estimulada.

Os indecisos somam 22% na pesquisa espontânea e 13,14% na sondagem estimulada.

Professor Costa somente é citado na pesquisa estimulada na zona urbana, com 0,86%, enquanto os que dizem não votar em nenhum dos postulantes somam 2,29% (espontânea) e 1,17% (estimulada).

Desempenho na Zona Rural
Na zona rural, em sondagem espontânea vence também o candidato Luciano Leitoa, com 42% das intenções de voto, contra 18% de Edivar Ribeiro. Os indecisos somam 30%. Eleitores que declaram voto para Alexandre Almeida somam o mesmo percentual dos que dizem não votar em nenhum dos nomes em disputa: 4%. Os que declaram voto no Professor Costa somam 2%.

Na pesquisa estimulada, Luciano Leitoa tem 50% das intenções de voto entre os eleitores da zona rural. Edivar Ribeiro aparece em segundo, com 22%. Os indecisos somam16% e mais uma vez repetem-se os 4% dos que declaram voto em Alexandre Almeida e que não escolhem nenhum dos nomes em disputa. Também o professor Costa aparece com 4% das intenções de voto na zona rural.

Prefeita mal avaliada
Avaliada como ruim e péssima por 54% na pesquisa anterior, a administração da prefeita Socorro Waquim obteve agora um desempenho um pouco mais favorável: os que têm conceitos negativos somam 46,75%.

Os que consideram regular somam 33,75% (eram antes 29,5%) e os que acham boa e ótima chegam a 17,75% - eram 14,25% em julho.

FICHA TÉCNICA DA PESQUISA
Número de entrevistas – 400, realizadas em 26 bairros e quatro localidades rurais.
Margem de erro – 3,91% para mais ou para menos.
Período de realização – 16 a 18 agosto de 2012.
Contratante – Portal AZ
Registro - Protocolo TSE/Registro nº MA-00097/2012
Eleitorado do município – 101.230 (TSE, dezembro de 2011)

(Portal AZ).


1 comentário:

  1. GRATO PELO ACESSO E VC JÁ ESTÁ EM NOSSA PAGINA. VÁ LÁ E CONFIRA. BNC NOTICAS

    ResponderEliminar