1.10.12

Flagra: Compra de votos em Timon



Por Edmundo Moreira

A patacoalhada de Edivar já está no You Tub, com a frase que justifica a fritura. Eles nunca esconderam que compram eleições. Agora tem prova.

E aconteceu tudo conforme o planejado: se a campanha de Edivar Ribeiro(PMDB) não tivesse “futuro”, ela seria abortada, para que ele não atrapalhasse a candidatura da chefa na eleição de 2014, para deputada estadual. Afinal, Socorro Waquim(PMDB) vai precisar de foro privilegiado quando começarem a julgar no Pleno do Tribunal de Justiça do Maranhão, os mais de 150 processos por ato de improbidade administrativa que ela responde.

A gota d`água da fritura do Edivar Ribeiro – que afrontou a hegemonia dos Waquins ao insistir na disputa da candidatura de prefeito contra o primeiro sobrinho Tales – aconteceu no programa eleitoral desta segunda-feira(01), quando o programa de Alexandre Almeida(PSD), mostrou uma gravação de uma fita em que Edivar aparece tentando aliciar a esposa do Doutor Torquato, candidato a vereador pela coligação de Alexandre.

É a prova mais explícita de compra de voto, aliciamento e descaramento que já se viu na política timonense e quiçá brasileira. Edivar começou oferecendo R$ 20 mil, passou para R$ 30 mil, o que fez a esposa de Doutor Torquato, identificada por ele próprio como Carol, se espantar com o valor. “Meu Deus é muito dinheiro!”, exclamou Carol.

Cínico, Edivar respondeu que “política se faz é com dinheiro” e que foi desta forma que se elegeu vereador em 2004, quando contratou mais de mil cabos eleitorais.

Edivar deixou claro também que pretendia trair a prefeita Socorro Waquim, caso fosse eleito. Quando Carol lhe perguntou se ele seria comandado pela prefeita e pelo marido, que contam com a maior rejeição da cidade. Edivar foi curto e grosso: “Isso aí eu resolvo depois da eleição!”

A coordenação do programa de Alexandre Almeida já entregou cópia da gravação para a Polícia Federal e para o Ministério Público. Esta prática de tentar comprar os candidatos a vereador dos adversários Alexandre e Luciano vem desde o início da campanha. É só ver as matérias dos blogs anunciando as “adesões” que ele vem conseguindo.

Sem comentários:

Enviar um comentário