3.2.13

Após enchentes em Xerém, Zeca Pagodinho critica corrupção e cancela festa de aniversário.

Xuxa se comove com desabrigados em Xerém e adere a campanha de Zeca Pagodinho

SÃO PAULO - Após um mês das enchentes que invadiram Xerém, distrito de Duque de Caxias, Rio de Janeiro, Zeca Pagodinho continua lutando para restabelecer as estruturas da cidade onde mora.

O sambista disse que não medirá esforços para ajudar os vizinhos e a comunidade onde vive. Ele aproveitou, inclusive, para criticar as autoridades do Rio de Janeiro.

“Se for fazendo o bem, quero aparecer sempre. Eu nunca apareci foi roubando ninguém, nem envolvido com corrupção. O povo me conhece, sabe de quem estou falando”, disse ele, em entrevista ao jornal "O Dia".

Sem papas na língua, o artista ainda ressaltou que há muita solidariedade dos cidadãos de todo o Brasil para ajudar as pessoas que se prejudicaram com o desastre.

“Me mandaram de São Paulo purificadores que tornam a água potável depois de um minuto e meio. Isso é gente decente. Fico feliz porque para cada dez que abrem a boca para falar merda, há 1 milhão que quer fazer o bem”, prosseguiu, irritado.

Sobre o seu aniversário de 54 anos, na próxima segunda-feira (4), Zeca contou que não irá comemorar, pois ainda não tem clima para festas.

“Vou ficar devagar. Não tem como ser de outro jeito. Estou aqui ajudando os outros. Trabalhador trabalha, vagabundo fica com a bunda sentada na poltrona escrevendo merda na Internet. Quem falou de mim está p... porque nunca fez nada e eu fui lá e fiz. Aliás, fiz, não. Faço. Há 20 anos”, afirmou.

(FAMOSIDADES).


Sem comentários:

Enviar um comentário