14.3.13

Saiba o que o novo papa pensa de celibato, aborto, casamento gay etc.

Folha de S. Paulo

O cardeal argentino Jose Mario Bergoglio, agora papa Francisco, tem opiniões que podem ser consideradas conservadoras sobre temas sensíveis à igreja, como aborto e casamento gay.

Veja a seguir algumas das opiniões do novo papa:

CASAMENTO GAY

"Não sejamos ingênuos, não estamos falando de uma simples luta política; é uma pretensão destrutiva contra o plano de Deus. Não estamos falando de uma simples lei, mas de uma maquinação do pai da mentira, que busca confundir e enganar os filhos de Deus.

ABORTO

"Percebe-se mais uma vez que se avança deliberadamente para limitar e eliminar o valor supremo da vida e ignorar os direitos das crianças que nascerão. Quando falamos de uma mãe grávida, falamos de duas vidas, ambas devem ser preservadas e respeitadas, porque a vida tem valor absoluto."

"Uma mulher grávida não leva no ventre uma escova de dentes, tampouco um tumor. A ciência ensina que, desde o momento da concepção, o novo ser tem todo o código genético."

CELIBATO E PEDOFILIA

"Estamos falando de perversões de tipo psicológico anteriores à opção celibatária. Se existe um padre pedófilo, é porque ele tem a perversão desde antes de sua ordenação. E o celibato também não cura essa perversão. Ou a pessoa a tem ou a pessoa não tem."

JUSTIÇA SOCIAL

"Vivemos na região mais desigual do mundo, a que menos reduziu a miséria. A distribuição injusta de bens persiste, criando uma situação de pecado social que grita aos céus e limita as possibilidades de vida mais plena para muitos de nossos irmãos."

CELIBATO

"O celibato é uma opção de vida como seria, por exemplo, viver na pobreza", disse Bergoglio no livro 'El Jesuita' de Sergio Rubín e Francesca Abrogetti.

"Há momentos em que pode-se tornar crítica [a opção] se o padre conhece uma mulher na paróquia e acredita que está enamorado."

"Escutei certa vez um sacerdote dizer que [poder casar] lhe permitiria não ficar mais sozinho e ter uma mulher, mas, por outro lado, também acabaria arrumando uma sogra."

IGREJA COM O MUNDO

"Temos de evitar a doença espiritual de uma igreja autorreferente. É verdade que, quando saímos às ruas, assim como acontece com todo homem e mulher, acidentes podem acontecer. Mas, se a igreja permanecer fechada em si mesma, autorreferencial, ela envelhece."

PECADO E MISERICÓRDIA

"Apenas quem encontrou a misericórdia está feliz na presença do Senhor. Imploro aos teólogos presentes que não me entreguem à Inquisição, mas, forçando um pouco as coisas, ouso dizer que o local privilegiado desse encontro é a carícia da misericórdia de Jesus Cristo pelo meu pecado."

JUDEUS E CATÓLICOS

Que nos coloquemos na presença de Deus com o desejo de caminhar e o compromisso de nos tornarmos irrepreensíveis, ajudando-nos mutuamente a alcançar essa meta.


Sem comentários:

Enviar um comentário