17.3.13

Zona Sul é onde o teresinense tem mais risco de morrer

A zona Sul de Teresina é onde os habitantes mais correm risco de morrer. Pesquisa realizada pela Gerência de Polícia Metropolitana de Teresina, que somou os homicídios ocorridos no ano passado, 2012, e fez o levantamento em quais regiões da cidade ocorreram.

O gerente de Polícia Metropolitana de Teresina, delegado Flávio Rangel, informou que no ano passado foram registrados 252 homicídios na capital piauiense.

 “A região mais violenta é a região Sul da capital”, define o delegado Flávio Rangel.

A pesquisa revela que na região Sul de Teresina ocorreram 28,57% dos homicídios. Esses homicídios foram registrados e investigados no conjunto Promorar, na região do 4º Distrito Policial (DP), no Lourival Parente, Dagmar Mazza, Santo Antônio e na região do 10º Distrito Policial.

Na Vila Irmã Dulce ocorreram apenas três homicídios.

A região que ficou no segundo lugar como a mais violenta foi a zona Norte, onde foram registrados 26,58% dos homicídios ocorridos em Teresina. Foram homicídios registrados nas regiões do 7º Distrito Policial, do 2º DP e do 9º Distrito Policial, no conjunto Mocambinho, Buenos Aires, do bairro São Joaquim, Poti Velho e Matadouro.

A região Leste ocupa o terceiro lugar entre as regiões mais violentas de Teresina, com 20,67% dos homicídios. Crimes registrados nas regiões do São Cristóvão,´Morada do Sol, dos 11º e 12º Distritos Policiais; Vila Firmino Filho, Vila Maria, Vila Bandeirante e Santa Bárbara.

Antes considerada a mais violenta, a zona Sudeste agora só perde para a região do Centro. Na zona Sudeste foram registrados 13,49% dos homicídios ocorridos em Teresina no ano passado.

A região menos violenta de Teresina é a do Centro, onde ocorreram 10,71% dos homicídios.
“A maior parte dos homicídios de Teresina tem ligação com o tráfico de drogas e rixas entre traficantes e jovens”, falou o delegado Flávio Rangel.

Fonte: Blog Conveeersa - Silas Freire.


Sem comentários:

Enviar um comentário