13.8.13

Feira dos Platôs de Guadalupe atrai empresas e incrementa agricultura irrigada

Feira da Agricultura Irrigada dos Platôs de Guadalupe é realizada pelo DNOCS, Governo do Estado e Associação de Irrigantes

Isabel Cardoso

Platôs de Guadalupe (Foto:Paulo Barros)
A 3ª edição da Feira da Agricultura Irrigada dos Platôs de Guadalupe será realizada no período de 22 a 24 de agosto, na cidade de Guadalupe. O evento é realizado pelo DNOCS, Governo do Estado e Associação dos Irrigantes Platôs de Guadalupe.
Segundo José Carvalho, superintendente do DNOCS, a feira tem como objetivo divulgar as ações do projeto, promover intercâmbio entre irrigantes e instituições, efetivar a realização de negócios e também pode atrair novos negócios. Grandes empresas, de acordo com José Carvalho, já participam da feira e adquirem produtos para comercialização no Platôs de Guadalupe.
Atualmente, o Perîmetro Irrigado Platôs de Guadalupe, nessa primeira etapa, tem uma área 3.186hc prontas e já entregues aos irrigantes. “Hoje, nesse perímetro irrigado estão trabalhando 120 irrigantes familiares e seis grupos empresariais”, informa José Carvalho, afirmando ainda que a fruticultura é o carro chefe com destaque para produção de banana, coco, goiaba, melancia, maracujá, acerola, dentre outras culturas. “O Piauí é referência no Nordeste na produção de banana”, afirma.
Nesse perímetro, o que é produzido no local é comercializado para o mercado interno e também exportado para outros estados, principalmente o Maranhão e o Pará.
José Carvalho informa que a área dos Platôs de Guadalupe será ampliada. A segunda fase do projeto, que consiste em 10.500 hc está com 60% das obras já executadas. “Com essa área da segunda etapa, serão no total mais de 13.500 hc de área prontas para irrigação, que beneficiará mais 200 irrigantes familiares e desse total, cerca de 7.000hc serão destinadas à produção empresarial”, diz.
Na III Feira da Agricultura Irrigada dos Platôs de Guadalupe, a proposta é mostrar a comerciantes e empresários a produção irrigada no Piauí. “Temos projeto de incluir outras culturas, como a manga e a uva”, diz José Carvalho.
Como a feira já é sucesso, José Carvalho afirma que há planejamento para um evento que vai agregar a produção dos perímetros irrigados de Guadalupe (Guadalupe), Tabuleiros Litorâneos (Parnaíba), Caldeirão (Piripiri), Lagoas (Luzilândia), Vale do Gurguéia (Alvorada do Gurguéia) e Vale do Fidalgo (Simplício Mendes).
Fonte: Governo do Estado do Piauí.
Publicidade

Sem comentários:

Enviar um comentário