6.9.13

Timonenses prestigiam primeiro dia de desfile da Independência

Desfile 7 de setembro de Timon
Muitos timonenses se concentraram na tarde desta quinta-feira (05), na Avenida Jaime Rios, centro da cidade, para assistir ao tradicional desfile de 7 de Setembro, data em que é comemorada a Independência do Brasil. O prefeito Luciano Leitoa participou do evento, que foi organizado pela Prefeitura de Timon, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e Fundação Municipal de Cultura. Neste ano, o tema foi “Educação para pluralidade cultural e cidadania”. Hoje (06), o desfile acontece na Avenida 1 do bairro Parque Alvorada, marcando o encerramento de comemoração da Semana da Pátria.

O desfile teve início com os porta-bandeiras, trazendo as bandeiras de Timon, Maranhão e Brasil, ao som da banda de música do 25º Batalhão de Caçadores do Piauí. Em seguida foi realizada a abertura oficial do evento com a execução dos hinos do Brasil e de Timon.

No discurso de abertura, Luciano Leitoa lembrou a importância da data. “A independência é algo que sempre deve ser comemorada. Com o desfile, mantemos uma tradição em nosso município. Agradeço a presença de todos e, próximo ano, estaremos aqui novamente comemorando”, destacou.

“O prefeito Luciano está mantendo a tradição de apoiar os atos cívicos e estamos realizando um grande desfile para os timonenses. Agradeço aos gestores de escolas pelo empenho e aos pais por permitirem que seus filhos participem da comemoração da nossa independência”, falou a secretária municipal de Educação, Dinair Veloso.
Ato

O ato cívico contou ainda com a participação de dez escolas da rede municipal de ensino, a Apae de Timon, três projetos culturais mantidos pela Prefeitura, além da Guarda Municipal, pelotão do Corpo de Bombeiros e Polícia Militar do Maranhão.

A dona de casa Lúcia Alves foi com os filhos e a sogra prestigiar o evento. “Faço questão de assistir ao desfile todos os anos e sempre trago meus filhos. É uma forma de exercer nossa nacionalidade, comemoramos um feito muito importante para nós, que é a independência”, explicou.


(SECOM)

Sem comentários:

Enviar um comentário