27.10.14

Após vitória apertada, Dilma pede união e promete lutar contra corrupção

Presidente reeleita garante que está aberta ao diálogo e não acredita em nação dividida

Dilma Rousseff comandará o Brasil de 2015 a 2018Francisco Stuckert/26.10.2014/Futura Press/Estadão Conteúdo
Após ser reeleita com 51,5% dos votos válidos neste domingo (26), a presidente Dilma Rousseff conclamou o povo a se unir na construção das mudanças que a sociedade pede. Em seu primeiro pronunciamento após vencer Aécio Neves nas urnas, na disputa mais acirrada desde a redemocratização do País, a presidente disse que não acredita em uma nação dividida e pede que os brasileiros se unam em favor do Brasil.
— Conclamo, sem exceção, todas as brasileiras e todos os brasileiros para nos unirmos em favor do futuro de nossa pátria, de nosso País e de nosso povo. Não acredito, sinceramente, do fundo do meu coração, que essas eleições tenham dividido o País ao meio. Eu entendo, sim, que elas mobilizaram ideias e emoções às vezes contraditórias, [...] Leia a matéria completa clicando aquí
# #
                         Publicidade

Sem comentários:

Enviar um comentário