14.11.14

AGORA SÓ FALTA A PF PRENDER VACCARI, LULA, DILMA E DIRCEU

Se fizer delação premiada, Vaccari liquida Dirceu, Lula e Dilma
Carlos Newton
Como se sabia, o escândalo da Petrobras é tão grave que vai fazer o PT sentir saudades do julgamento do mensalão. Por mais que os ministros do Supremo Tribunal Federal sejam ligados ao partido e ao governo, não poderão simplesmente jogar suas biografias na lata do lixo, terão de condenar não somente os atores principais, mas também os coadjuvantes, que tinham o domínio do fato, o controle da situação e dela se beneficiavam.
A situação mais interessante é de José Dirceu, que só está em prisão domiciliar porque conseguiu escapar do crime de formação de quadrilha, por generosidade dos ministros do Supremo. Agora, no gravíssimo caso da Petrobras, será inevitável o novo indiciamento dele como chefe da quadrilha, criada para manter o PT no poder, indefinidamente.
Mesmo depois de cassado, Dirceu não deixou de mandar na Petrobras e no governo. Lembrem-se de que ele foi flagrado pela reportagem da Veja usando um hotel de luxo em Brasília para receber autoridades, entre elas seu pupilo Sergio Gabrielli, então presidente da Petrobras, que se deslocou até a capital apenas para “despachar com Dirceu”.
APETITE CANINO
É impressionante essa avidez dos petistas no desvio de recursos públicos. O partido é o que mais arrecada, independentemente de ser ano eleitoral. Aos seus candidatos, nada falta. Podem fazer dívidas de campanha à vontade, porque depois o caixa 1 ou o caixa 2 cobrem tudo. Mesmo assim, o PT tinha de pilhar os recursos públicos, destruindo a imagem da mais importante empresa do país.
VACCARI É O HOMEM-BOMBA
O tesoureiro do PT, José Vaccari é um dos próximos a serem presos. Já tem plena consciência do que vai lhe acontecer e até já se demitiu da mordomia do Conselho de Administração de Itaipu, que lhe rendia mais de R$ 20 mil mensais sem trabalhar, e é bem provável que recorra à delação premiada.
O PT e o governo têm de evitar, a qualquer custo, a delação premiada de Vaccari, que é o verdadeiro homem-bomba. Se ele fizer acordo com a Justiça, será o fim de tudo não somente para Dirceu, mas também para o ex-presidente Lula e para a reeleita Dilma Rousseff, que vê a possibilidade de impeachment crescendo diante de sua arrogância e se transformando numa realidade. E o PT estará definitivamente fora do poder, será um partido em extinção.
Enquanto o PMDB de Milton Temer já se prepara para liderar no Congresso o impeachment de Dilma Rousseff, a viúva Porcina da política nacional, “aquela que foi sem nunca ter sido”. Não por mera coincidência, como já publicamos aqui na Tribuna da Internet, no último dia 26 Temer era a pessoa mais eufórica com a “vitória” de Dilma, porque já antevia a possibilidade de subir ao poder. E hoje ele está feliz da vida no Palácio do Planalto, substituindo Dilma e já se acostumando com a rotina que terá na Presidência da República, quando conquistar os plenos poderes.

Sem comentários:

Enviar um comentário