15.3.15

1 milhão de pessoas se reúnem em São Paulo contra o governo

Cerca de 1 milhão de pessoas se reúnem na região da Avenida Paulista para protestar contra o governo de Dilma. 



Segundo dados da Polícia Militar (PM), cerca de 1 milhão de pessoas se reúnem na região da Avenida Paulista, em São Paulo, para protestar contra o governo de Dilma Rousseff (PT).

A manifestação ainda se concentra, principalmente, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp), na Avenida Paulista.

Manifestantes de todas as idades se vestem, em sua maioria, com as cores da bandeira e levam cartazes com dizeres contra corrupção e o governo do PT.


Demais manifestações

Milhares de pessoas saíram às ruas neste domingo em todo o país para protestar contra o governo e casos de corrupção envolvendo o PT. 

Atos tiveram início no começo da manhã em Belo Horizonte e Brasília, onde, segundo dados preliminares da Polícia Militar, se reuniram cerca de 24 mil e 45 mil pessoas, respectivamente.

Um segunda manifestação é esperada para esta tarde na capital mineira.

Em ato realizado em frente à praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, foram contabilizados ao menos 15 mil pessoas. Outro protesto foi marcado no começo da tarde em frente à igreja da Candelária, no Centro da cidade.


PSDB

O líder opositor Aécio Neves, do PSDB, foi visto usando uma camisa da seleção brasileira, como muitos manifestantes, na janela de seu apartamento em Ipanema. O senador, no entanto, participou das manifestações.

Ao total, calcula-se que, até o momento, protestos tenham sido realizados em ao menos 16 estados, além do Distrito Federal (DF).

Fora do país

Protestos também foram registrados fora do país, em cidades como Londres, Lisboa, Nova York, Miami e Sydney. Nenhum dos atos, no entanto, contou com mais de uma centena de participantes. (O Imparcial)

Sem comentários:

Enviar um comentário