15.3.15

FORA DILMA: Manifestantes fazem enterro simbólico do PT

GRUPO SEGUE MOVIMENTO NACIONAL e pede pelo o impeachment da presidente Dilma

Um grupo de manifestantes se reúne em frente a Assembleia Legislativa, na avenida Marechal Castelo Banco, local da concentração do protesto Fora Dilma, em Teresina. Cerca de 3.800 pessoas vestidas com as cores da bandeira nacional carregam faixas pedindo o impeachment da presidente Dilma Rousseff e com dizeres de ‘Fora PT’.
No protesto já chegaram autoridades políticas como o ex-governador Zé Filho (PT) e o deputado estadual Robert Rios (PDT). Robert, inclusive, disse que o movimento nacional mostra a repulsa do povo com a presidente Dilma. “Ela venceu a eleição mentindo e agora tem que aguentar a revolta da população. Se ela tivesse um pouco de dignidade, renunciava”, disse.
Em entrevista ao 180, Zé Filho disse que a manifestação é um momento importante que mostra a "indignação do povo, que não aguenta mais essa opressão que o governo faz. O PT está acabando com o Brasil".
Aqui no Piauí o grupo fez um enterro simbólico do PT e do governador Wellington Dias. Um funeral foi preparado pelos manifestantes, com direito a 'cadáver' de mentirinha e velas, e uma bandeira do Partido dos Trabalhadores, tudo isso no pátio da Casa legislativa.
HINO NACIONAL
Assim como em todos os movimentos pelo país, o grupo que está em frente à Alepi canta a todo tempo o Hino Nacional. Um vídeo publicado no Facebook por Florentino Filho mostra a empolgação dos manifestantes.
GRUPO REBATE ACUSAÇÃO DE TENTAR DAR GOLPE
“O Wellington Dias disse que nós éramos golpistas, mas isso não existe. Hoje foi o dia da luta de várias classes, de um povo sofrido. Uma luta contra todos os socialistas que nos roubam todos os dias. Uma prova de que o povo bota e o povo tira. E este movimento não acaba por aqui. Faremos muitos outros atos ainda, desaba a médica Adriana Sousa, uma das organizadoras da manifestação em Teresina.


PROTESTOS EM TODO PAÍS
As manifestações deste domingo pelo país defendem não só o impeachment da presidente, mas também, pedem o fim da corrupção no Brasil. Além daqueles que pedem a saída do PT do governo, estão também aqueles que reclamam de reajustes no preço da gasolina, tarifa de energia elétrica, e o aumento dos impostos.
Só em São Paulo, na avenida Paulista, mais de 1 milhão de pessoas tomam as ruas no protesto, que até agora, segue de maneira pacífica. Na Esplanada dos Ministérios, em Brasília, são mais de 45 mil pessoas.
Os protestos ocorrem simultaneamente em 24 estados e no DF.
(180graus)

Sem comentários:

Enviar um comentário