12.8.15

Julgamento de Jhonathan de Souza por tráfico é suspenso

Jhonathan voltou a ser julgado nessa terça-feira (11)
Foi interrompido e suspenso temporariamente, nessa terça-feira (11), o julgamento do assassino confesso do jornalista Décio Sá, Jhonathan de Souza Silva, na 2ª Vara Criminal de São José de Ribamar (MA). O pedido partiu do juiz Antônio Fernando dos Santos Machado, que quer que sejam realizadas feitas novas diligências. Do Instituto de Criminalística (Icrim), por exemplo, foi solicitado o laudo toxicológico. A audiência foi realizada por meio de videoconferência, já que Jhonathan encontra-se preso no presídio federal de Campo Grande (MS). O prazo para o retorno das atividades não foi divulgado.

Condenado a 25 anos de prisão pelo assassinato do jornalista, ele voltou a ser julgado, desta vez pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e porte ilegal de arma de fogo, segundo informações contidas nos autos do processo.
Pelo crime, dos 12 acusados de participar direta e indiretamente da trama que resultou na morte do jornalista, apenas dois já foram julgados. O assassino confesso Jhonathan de Souza Silva, foi condenado a 25 anos de prisão em regime fechado, e o piloto da motocicleta que deu fuga e ele Marcos Bruno, condenado a 18 anos de prisão em regime fechado. ( Jornal Pequeno)

Sem comentários:

Enviar um comentário