30.9.15

PREFEITO “GENEROSO” ADMINISTRA PREFEITURA COM A FAMÍLIA

Blog Kiel Martins - Em Jenipapo dos Vieiras, a administração é comandada pelos Albuquerque. Um dos maiores exemplos de nepotismo registrado no Maranhão. Uma administração familiar. A prefeitura é o quintal de uma só família.
Além disso, o desvio de recursos é escandaloso. Verbas da Saúde e Educação, dos programas federais, são usados para aumentar patrimônio pessoal.
O prefeito Gustavo Albuquerque só não nomeou gatos, cachorros, papagaios e periquitos nos principais cargos, talvez, pela ausência dos mesmos. Vejam quem são as pessoas que comandam os cargos na administração atual:
A Secretaria de Administração e Planejamento é comandada pelo o esposo da tia do prefeito Francisco de Assis Benario; Secretaria de Finanças é dirigida pelo irmão Pedro Santos Albuquerque Filho; Ação Social é da irmã Cláudia Oliveira Albuquerque; Saúde tem como a esposa do prefeito Ilana Francisca de Sousa Araújo; Secretaria de meio Ambiente, Ione Barros, tia da primeira dama; Assuntos Políticos é comandada pela avó do prefeito Maria Conceição Oliveira Albuquerque. 
Prefeito Gustavo Albuquerque
E não para por aqui. O setor de compra dos remédios é feita na farmácia da irmã Claudete Oliveira Albuquerque, moradora em Grajaú/MA; a compra do material de construção das obras públicas é feita no depósito do irmão Clésio Oliveira Albuquerque, que tem suas casas alugadas para os médicos, até a compra do material do PDDE, merenda escolar é feita no armazém do irmão Carrinho Oliveira Albuquerque;
Quer mais? O combustível é comprado no Posto do prefeito que está no nome do irmão Lucas Oliveira Albuquerque; as máquinas pesadas como trator, patrol, e pá carregadeira, que são alugadas para a prefeitura, são de propriedade da irmã do prefeito, Sra. Cléia Oliveira Albuquerque;
Achou pouco? Até uma pá carregadeira comprada pelo prefeito por R$ 250.000,00 e que está no nome do seu pai, Sr. Pedro Santos Albuquerque, é alugada por R$ 15.000,00, para a prefeitura de Jenipapo dos Vieiras;
A Assessoria Especial que tem status de Secretaria é comandada pelo esposo da tia do prefeito Marcos Siqueira.
Os números são aterradores. O PSF (Programa Saúde da Família), que recebe recursos mensais de R$ 68.600,00, tem oito equipes cadastradas no município. Cada equipe é formada pelos seguintes profissionais: Um médico; um enfermeiro (a); um odontólogo (a); um auxiliar de consulta. Desses profissionais 80% são “fantasmas”, excerto os auxiliares de consultas.
Conforme o recurso de R$ 68.600,00 do PSF, Jenipapo dos Vieiras conta hoje com oito equipes. Entretanto, ninguém sabe o nome dos profissionais de duas equipes, sendo que o município conta com 6(seis) médicos fantasmas no PSF. Um município que tem oito equipes do PSF teria que ter, pelo menos, cinco odontólogos. Mas conta com apenas um.
Além do recurso do PSF tem outros programas que canalizam recursos para o Município. Os recursos destes programas, infelizmente, estão sendo desviados como o da Vigilância Sanitária – R$ 392,94 mensais;
Descentralização de Saúde da FUNASA – R$ 5.700,00 mensais; medicamentos dos Grupos de Hiper Tensão, Diabetes, Asma, Rinite (ARO, 95), valor mensal – R$ 1.153,80.
Tem ainda os recursos do Programa de Assistência Farmacêutica Básica – valor R$ 2.336,60; Programa de Saúde Bucal – valor mensal R$ 2.550,00; TFVS – Teto Financeiro de Vigilância em Saúde – valor mensal R$ 5.079,50, sendo as verbas destinadas do Governo Federal para a Manutenção da Saúde, em Jenipapo dos Vieiras é de R$ 112.000,00 mensais.
Constitucionalmente, o município destina 15% do FPM para a Saúde, em conta própria no Banco do Brasil, para contratar médicos (as), enfermeiros (as), e outros profissionais, mas o município conta apenas com um médico por dia e um odontólogo.

Sem comentários:

Enviar um comentário